Jantei em um museu que adoro em Toronto (AGO Bistro)

O Art Gallery Ontario (AGO) é um dos meus museus preferidos aqui em Toronto.

E por causa disso sempre tive curiosidade de conhecer o AGO Bistro, o restaurante adjacente ao museu.

Neste mês finalmente fomos lá para saber se eu gostaria da comida tanto quanto adoro as obras de arte do museu.

Fomos numa quinta-feira e tinha movimento razoável – o que é sempre um bom sinal!

Quer estudado no Canadá? Então seu projeto começa aqui.

Optamos pelo menu fixo que oferecem: $ 45 para três pratos: entrada, prato principal e sobremesa.

De entrada eu escolhi um tartare vegetariano.

AGO Bistro

O Cris preferiu uma sopa francesa de cebola.

Eu fiquei bem satisfeita porque – apesar de parecer bem simples – os sabores eram um pouco mais complexos.

O tempero estava na medida certa e lembrava bastante um tempero mexicano (tipo pico de gallo, sabe?)

O destaque ficou por conta da torradinha super fina que acompanhava. Parece impossível, mas deu leveza ao prato.

Já o Cris achou a sopa dele um pouco salgada. Acredito que isso é normal já que é uma sopa com bastante queijo por cima.

De prato principal nós dois escolhemos a mesma coisa: o bife bourguignon.

AGO Bistro

Então tive que concordar com o Cris que estava um pouquinho salgado demais.

Mesmo assim, a gente não sabe se devemos culpar o restaurante já que aqui em casa a gente consome muito pouco sal.

Quer viver do seu blog assim como eu? Descubra como clicando aqui.

Então quando provamos uma comida com um pouco mais de sal, parece muito para nós.

De sobremesa o Cris pediu o Paris-Brest, uma espécie de donut recheado de chocolate.

Eu aproveitei que ofereciam a opção de tábua de queijos como sobremesa.

AGO Bistro

Nosso jantar foi bem agradável e chegamos à conclusão de que o menu tem um preço justo.

O ambiente é menos formal do que esperávamos. Na verdade, tem uma vibe bem moderna e cores vibrantes.

AGO Bistro

Sei que às vezes eles oferecem menu degustação inspirado nas exposições do museu. Uma boa desculpa para volta lá!

Quer viver do seu blog assim como eu? Descubra como clicando aqui.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *